segunda-feira, 23 de março de 2009

Samuel Araripe muda perfil social do Crato - Jornal "O ESTADO"

Novo modelo de gestão garante o crescimento sustentável do município

Nos últimos quatro anos o município do Crato, na Região do Cariri, passou por profundas transformações fruto do empenho do prefeito Samuel Araripe (PSDB), que assumiu a Prefeitura com o compromisso de mudar a metodologia de gestão pública e resgatar a dignidade da população.
Para alcançar seu objetivo, Araripe, que recebeu uma “herança” de R$ 5 milhões em dívidas, implantou seu estilo próprio de governar, adaptando o organograma à realidade do município. As medidas começaram pelo saneamento das finanças, passando pela criação das secretarias de Meio Ambiente e Controle Urbano, Agricultura, Pecuária e Recursos Hídricos, Cultura, Esporte e Juventude, além de transformar a J. Figueiredo em Fundação, para enxugar a máquina.
Em uma segunda etapa, por meio de lei específica, foi criado o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano, que deu origem à carteira “Projeto Crato para 20 anos seguintes”, que hoje conta com R$ 250 milhões em projetos pré-orçados.
“Para se ter uma ideia do Plano, o Governo do Estado vai investir no Crato cerca de R$ 30 milhões nos projetos Encosta do Seminário, construção de 102 casas populares para moradores das áreas de risco, além de outros”, destacou o prefeito Samuel Araripe.
Outra ação de largo alcance social implementada pelo prefeito foi o Plano de Requalificação Urbana, que deu as diretrizes para todas as ações dos últimos quatro anos e que vão ser desenvolvidas no atual mandato. Agora mesmo, o Governo do Estado está liberando recursos para a construção do Centro de Feiras de Negócios do Cariri, dentro do projeto de transformar o Cariri em uma nova Região Metropolitana no Estado.

Na área da Saúde, foram recuperados todos os postos existentes e construídos outros dois, adquiridas duas ambulâncias, farmácia popular, centro de especialidades odontológicas.
Na Educação, a Prefeitura financia o fardamento de todos os estudantes da rede pública, implantou o PCCR (Plano de Cargos, Carreiras e Referência) dos professores.
A Prefeitura também já concedeu reajuste a todos os servidores, retroativo a 1o de março (8% para quem ganha acima de um salário mínimo e 12% para quem ganha abaixo desse piso).

Reeleito para um segundo mandato, Samuel Araripe elegeu cinco prioridades: saneamento ambiental (coleta de lixo, água tratada, drenagem e destino do lixo), habitação, PCC (Plano de Cargos e Carreiras) do Magistério, PCC (Plano de Cargos e Carreiras) da Saúde e Fundo Feral (recuperação de salários e capacitação dos servidores, além de espaço físico de trabalho).

»Petróleo. Na última semana, surgiram rumores de que o Crato teria petróleo e gás. De imediato Samuel convocou o senador Inácio Arruda e foi marcada uma reunião em Brasília com o presidente ANP (Agência Nacional do Petróleo), Haroldo Lima, para tratar do assunto.

Em 2008, a ANP realizou estudos em algumas regiões do Brasil, mas de maneira superficial. A meta do Crato agora é mobilizar a bancada federal cearense para alocar recursos do OGU (Orçamento Geral da União)a favor da ANP, para em 2010 a empresa realizar pesquisas com maior profundidade na região.

»Futebol. Amante do esporte, o prefeito Samuel Araripe trabalhou forte para colocar o Crato na Primeira Divisão do Campeonato Cearense (o time está liderando a Segundona). Para tanto, além de emprestar ajuda financeira ao time da terra, a Prefeitura também promoveu a reforma do Estádio Mirandão.

Por fim, o chefe do Executivo do Crato afirmou que sua gestão está resgatando todas as datas importantes do município, como o Carnaval da Saudade.

Fonte: Jornal "O ESTADO"

Um comentário:

  1. muito bem samuel araripe por melhorar o nosso cratinho de açucar obrigadooo

    ResponderExcluir